FinançasFinanças Pessoais

Pix parcelado: veja como funciona e se vale a pena fazer!?

O Pix parcelado é uma modalidade de crédito oferecida por alguns bancos, sendo voltada para aqueles que realizam uma transação instantânea, mas encontram-se sem saldo na conta.

Por outro lado, para utilizar esse serviço, é necessário ter uma linha de crédito pré-aprovada em conjunto com a instituição.

Nesse processo, o valor do Pix é depositado na conta do usuário em parcelas, enquanto o destinatário indicado por ele recebe o valor de forma imediata em sua conta.

O que é Pix?

O Pix é uma ferramenta comum que a maioria dos bancos oferece e tem como uso por pessoas, pequenas e médias empresas. É um sistema de pagamento rápido criado pelo Banco Central do Brasil.

O Pix funciona através de chaves, permitindo transferências a qualquer hora do dia. O Pix parcelado é uma forma específica de usar o Pix.

Saiba como o Pix parcelado funciona, se é vantajoso, se envolve taxas de juros e se pode ser usado em qualquer loja.

Como funciona o PIX parcelado?

De acordo com informações do Banco Central em maio de 2023, o Pix já tinha mais de 149 milhões de usuários no Brasil, sendo que mais de 137 milhões eram pessoas físicas.

Enquanto o uso do Pix parcelado ainda está em ascensão, cerca de um terço das empresas já conhecem essa opção. Ele é mais comum no comércio do que na indústria e nos serviços.

Para usar o Pix parcelado, é necessário ter uma conta em um banco. Ao transferir dinheiro para outra pessoa ou empresa, o usuário solicita um empréstimo à instituição e escolhe o número de parcelas desejado.

É possível realizar o parcelamento em até 24 vezes, com os juros variando entre 2,09% e 3,99%, dependendo da instituição. Contudo, quem recebe o valor tem acesso a ele imediatamente de maneira integral.

Sendo assim, ele funciona como um crediário digital, porém, eliminando a necessidade de um intermediário entre comprador e vendedor.

Fazer o parcelamento do Pix pode ser uma opção para quem deseja comprar à vista, mas não tem dinheiro suficiente na conta, ou para quem opta por parcelar sem arcar com juros e taxas extras.

Quando o Pix parcelado cobra juros?

Se você contratar o Pix parcelado sem usar o cartão de crédito, como uma espécie de empréstimo pessoal, haverá a incidência de juros.

Ou seja, ele podem variar de acordo com a instituição financeira e o número de parcelas escolhidas.

Além disso, o comerciante pode cobrar uma taxa adicional. No entanto, essa taxa é opcional e ele deve comunicar antes de concluir a compra.

O comerciante pode impor essa taxa para compensar os custos associados à oferta do Pix parcelado, que superam os custos do Pix à vista. Por esse motivo, é crucial comparar as taxas e condições antes de optar por essa modalidade.

Qualquer loja aceita essa modalidade?

O Pix parcelado é aceito em qualquer loja que aceite essa modalidade de pagamento e pode estar sujeito a taxas que variam de acordo com cada instituição.

De acordo com dados da Boa Vista, 13% das compras parceladas se realizam por meio de pagamentos via Pix.

O método mais comum é o cartão de crédito, representando 69%, enquanto o carnê se apresenta como outra opção utilizada com frequência, correspondendo a 14%.

Muitos comerciantes acreditam que o Pix pode impulsionar as vendas no comércio eletrônico e até mesmo reduzir ou substituir o uso do boleto.

Como fazer pix parcelado?

Para realizar o Pix parcelado, o usuário pode seguir um processo simples através do aplicativo da instituição financeira.

Ao acessar a plataforma, basta escolher a opção de “Pix com cartão” ou “Pagar com Pix” e, em seguida, definir o tipo de chave para se utilizar, como e-mail, telefone, CPF ou uma chave aleatória.

Após essa etapa, o próximo passo é selecionar a opção “Parcelamento”, inserir o valor desejado para a transação e optar pela forma de pagamento, que será vinculada ao cartão previamente cadastrado.

Chegando ao final do processo, o usuário precisa tomar algumas decisões importantes, como a escolha do número de parcelas desejadas, a seleção do tipo de cartão que se utilizará, a revisão de todos os dados inseridos e, por fim, a confirmação da transação.

Quando o parcelamento no PIX se apresenta como vantagem?

O uso do Pix parcelado pode ser útil para quem deseja aproveitar as comodidades e a segurança do Pix. Porém, encontra-se com saldo insuficiente na conta ou tem preferencia de parcelar para não afetar o orçamento.

Por outro lado, o parcelamento no Pix pode servir como uma opção aos cartões de crédito, que impõem taxas de juros e anuidade, assim como aos boletos, que geram despesas de emissão e impressão.

Contudo, é fundamental estar atento às condições específicas de cada varejista ou prestador de serviço que disponibiliza essa opção de pagamento, pois há variações nas taxas, prazos e limites de parcelas.

Vale lembrar também que é crucial realizar um planejamento financeiro sólido antes de optar por qualquer transação financeira.

Ou seja, pois o Pix parcelado vai ser somado à fatura do cartão de crédito ou debitado direto da sua conta corrente.

O parcelamento no PIX vale a pena?

Com base na pesquisa da Associação Brasileira de Internet (Abranet), se constatou que 75% dos usuários de cartão de crédito têm o hábito de realizar compras parceladas. Evidenciando a ampla aceitação desse método entre as pessoas.

Contudo, a decisão sobre se o parcelamento no Pix vale a pena dependerá das preferências pessoais, necessidades específicas e das taxas de juros praticadas por cada instituição financeira.

Essa opção pode ser útil em situações em que o usuário está sem fundos ou enfrenta despesas inesperadas, permitindo-lhe realizar gastos adicionais.

Contudo, é crucial ter em mente que o parcelamento no Pix vincula-se ao limite do cartão de crédito, e a instituição cobra juros se o usuário não efetuar o pagamento até a data de vencimento.

Portanto, é essencial analisar cuidadosamente as circunstâncias antes de decidir se o Pix Parcelado se torna apropriado para cada situação específica.

VEJA MAIS RELACIONADO:

Flávio Coelho

Meu nome é Flávio Coelho e ensino através do site Finanças Guiada tudo relacionado a negócios, cartão de crédito e finanças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *