Finanças

O que é DV da Conta? Saiba onde está localizado no cartão

Muitas pessoas têm dúvidas sobre o que é DV da conta, exatamente por esse motivo que nesse texto iremos explicar de forma clara o que é o digito verificador da conta. Além do mais essa numeração também está localizado em certos documentos como CPF e RG, no CNPJ. Portanto, confira abaixo onde fica localizado o DV da conta nos cartões de débito e crédito.

O que é DV da conta?

O Dígito Verificador (DV) da conta é um conjunto de números adicionado ao final do número da conta com o objetivo de verificar a sua validade. Geralmente, o DV é composto por algarismos e é utilizado para prevenir erros de transmissão de dados ou digitação, além de evitar fraudes e inconsistências.

Assim, quando realizamos operações bancárias entre contas, é necessário informar o DV, conforme solicitado pelos bancos. Caso contrário, a transação não será concluída ou, em caso de erros, como digitar um valor incorreto, o montante transferido retornará para a conta de origem e não será efetivado.

Como o dígito verificador funciona?

O Dígito Verificador (DV) não se limita apenas ao uso em informações de cartões de serviços bancários da conta. Diversos recursos fazem uso desse código, como:

  • número de matrícula;
  • código de barras;
  • boletos de cobrança;
  • RG, CPF, CNPJ;
  • entre outros.

Ao adicionar esses códigos no final de uma sequência de números, garante-se uma transmissão precisa e livre de erros de dados. Dessa forma, o Dígito Verificador (DV) se torna um método de identificação exclusivo.

Essa numeração foi feita com o objetivo de acabar com as falhas na transmissão de dados. Sem o DV, a ocorrência de fraudes torna-se mais provável, e os processos ficam mais suscetíveis a erros.

O Dígito Verificador (DV) é comumente chamado de algarismo de controle e desempenha um papel fundamental na autenticação realizada pelos bancos. Portanto, por meio do DV, o banco tem a certeza de que uma transferência, por exemplo, será concluída com sucesso para outra conta, uma vez que os dados fornecidos são válidos e autênticos.

A forma como o Dígito Verificador (DV) é determinado pode variar de acordo com cada banco. Bancos como o Itaú e o Bradesco empregam apenas um dígito como código verificador. Enquanto isso, outras instituições aderem por optar por dois dígitos como DV.

Como encontrar o DV da minha conta?

O Dígito Verificador (DV) da conta não altera o número em si, sendo calculado com base nele e tendo como único propósito a autenticação bancária.

Exatamente por isso que a utilização do DV da conta é essencial quando for fazer alguma transação financeira como depósito ou fazer transferências através das contas correntes e poupanças. Sendo assim ele possibilita ao banco confirmar a existência da conta e a identificação de seu titular.

O Dígito Verificador (DV) encontra-se posicionado anteriormente à data de validade do cartão, juntamente com a sequência numérica da conta, imediatamente logo depois do hífen ou em certos caso o “espaço”.

  • Exemplo: Número da Conta Corrente: 134256 – 1

O Dígito Verificador (DV) da conta é representado pelo número “1” e deve ser sempre fornecido nos campos designados em formulários. O preenchimento adequado assegurará que a operação seja concluída com êxito.

Em determinadas situações, o DV é composto por dois dígitos. Sendo assim, em certos sistemas, alguns usuários podem enfrentar desafios ao utilizar os dois códigos do Dígito Verificador. Isso ocorre, por exemplo, na Receita Federal, onde a tecnologia utilizada no órgão permite a inclusão de somente um Dígito Verificador no cadastro de contas para recebimento da restituição do IR para Pessoas Físicas. Essa mesma situação pode ocorrer em alguns sistemas de notas fiscais eletrônicas.

Diante dessa situação, a alternativa é combinar o penúltimo dígito ao número da conta e inserir o último Dígito Verificador no campo designado para ele. Veja um exemplo a seguir, caso o número da sua conta juntamento com o digito for dessa maneira 134465-87, preencha o formulário dessa maneira 1344658-7.

O que é o DV da agência?

As agências bancárias também possuem um Dígito Verificador (DV) em seus números, sendo que, nesse caso, em vez de um dígito numérico, pode haver a letra “X”.

Sendo assim, se for necessário incluir o DV da agência na sua operação, o que não costuma ser exigido, e você só tiver o teclado numérico disponível, sempre substitua o X pelo 0.

Caso seja requerido a inclusão do DV da agência em sua operação, embora isso geralmente não seja preciso na maioria das vezes, e apresente somente o teclado numérico, substitua a letra “X” pelo dígito “0” sempre que for preciso.

Ao utilizar o Dígito Verificador da conta, você assegura a segurança de sua transação, prevenindo fraudes.

Qual é o DV da conta Caixa Econômica Federal?

No cartão da conta, a informação inicial é composta por uma sequência de 16 dígitos significativos. Imediatamente abaixo dessa sequência, é possível visualizar o nome completo do titular da conta ou, se for o caso, o nome do titular caso o cartão pertença a outra pessoa.

Logo abaixo, encontra-se a sequência que indica a agência e o número da conta. A numeração da agência corresponde à filial da instituição onde a conta foi aberta, o que significa que todos os clientes que abriram contas na mesma agência possuirão números iguais da agência localizada no cartão.

Dessa forma, ao realizar transferências para indivíduos que possuam contas na mesma agência que a sua, você já terá conhecimento do número necessário, pois ele estará disponível em seu cartão. O código da agência é composto pelos quatro primeiros dígitos localizados abaixo do nome do titular.

Posteriormente, no cartão terá três algarismos que determinam o tipo de conta ou operação associada. Por exemplo, os clientes com conta poupança têm o número 013 impresso no cartão. Essa numeração será utilizada apenas quando o sistema da Caixa requerer a informação “Operação”.

Abaixo veja as demais categorização das operações Caixa:

Código Categoria
001 Conta corrente de Pessoa Física
002 Conta Simples de Pessoa Física
003 Conta Corrente de Pessoa Jurídica
006 Entidades Públicas
007 Depósitos Instituições Financeiras
013 Poupança de Pessoa Física
022 Poupança de Pessoa Jurídica
023 Conta Caixa Fácil
028 Poupança de Crédito Imobiliário
032 Conta Investimento Pessoa Física
034 Conta Investimento Pessoa Jurídica
037 Conta Salário
043 Depósitos Lotéricos
131 Poupança Integrada

Logo em seguida, encontrará uma sequência de oito dígitos antes do traço, que representa o número da sua conta. Esse número é exclusivo e essencial para que você possa receber transferências, depósitos bancários, TEDs e DOCs de indivíduos que possuem conta na Caixa Econômica Federal ou em outras instituições financeiras.

Por último, logo após o número da conta, estará presente o Dígito Verificador (DV) da conta, composto por um único digito. Sendo assim, essa numeração é muito importante na hora da identificação e tem que ser utilizada juntamento com o número da conta.

Quando você acessar a sua conta por meio do Internet Banking da Caixa Econômica Federal ou pelo aplicativo, será necessário preencher todas essas informações. É por isso que é essencial conhecê-las e ter conhecimento onde elas estão localizadas.

Código de segurança CVC/CVV

Na parte posterior do cartão, encontra-se o número de verificação, composto por três a quatro dígitos.

Esse número desempenha um papel crucial na validação de compras online, pois não é necessário informar a senha numérica do cartão durante esse tipo de transação. Além disso, em diferentes sites, o código de verificação pode ser denominado de várias formas, tais como CVV, CVC, CVV2 ou CVC2.

Código Caixa para transferências

Quando você realizar uma transferência, seja ela por meio de DOC ou TED, é possível que seja solicitado o código do banco. Contudo, esse código, conhecido como Compe, tem a função de identificar os bancos durante essas transações financeiras.

O código correspondente à Caixa Econômica Federal para TED e DOC é o 104.

Conclusão

Em conclusão, o Dígito Verificador (DV) da conta é um conjunto de números adicionado ao final do número da conta bancária, cuja função é verificar a sua validade e prevenir erros de transmissão de dados, digitação incorreta e fraudes. Esse código também é utilizado em outros documentos, como CPF, RG e CNPJ, assim como em recursos como códigos de barras e boletos de cobrança.

Ao fornecer o DV da conta durante operações bancárias, como depósitos e transferências, garante-se a autenticidade dos dados e a conclusão bem-sucedida da transação. Portanto, o DV da conta pode variar de um a dois dígitos, dependendo do banco, e encontra-se localizado após o número da conta nos cartões de crédito e débito.

VEJA MAIS RELACIONADO:

Flávio Coelho

Meu nome é Flávio Coelho e ensino através do site Finanças Guiada tudo relacionado a negócios, cartão de crédito e finanças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *