Notícias

MEI sofre reajuste nas taxas; saiba os novos valores para 2024

O ano de 2024 trouxe consigo não apenas novas expectativas, mas também mudanças nas taxas pagas pelos Microempreendedores Individuais (MEIs) no Brasil. Com a implementação do novo salário mínimo, estabelecido em R$ 1.412, as contribuições previdenciárias dos MEIs sofreram um reajuste, impactando diretamente no bolso desses empreendedores.

Veja também: Caixa libera nova linha de empréstimo com até 5 anos para pagar: saiba mais

Os Impactos do Novo Salário Mínimo nas Taxas dos MEIs

O valor das taxas pagas pelos MEIs é, em geral, uma porcentagem do salário mínimo vigente. Enquanto a alíquota para a maioria dos MEIs é de 5% do salário mínimo, os MEIs que atuam como caminhoneiros têm uma taxa mais elevada, correspondendo a 12% do salário mínimo.

Com o aumento do salário mínimo para R$ 1.412, estima-se que, em 2024, os MEIs em geral passarão a desembolsar mensalmente entre R$ 71,60 e R$ 76,60, dependendo da natureza de suas atividades. Já os MEIs caminhoneiros deverão pagar valores variando entre R$ 174,44 e R$ 175,44, conforme a abrangência de suas operações, seja municipal, intermunicipal, interestadual, internacional ou de mudanças.

Contribuições e Benefícios Previdenciários para os MEIs

O aumento nas taxas visa garantir benefícios previdenciários essenciais aos MEIs, incluindo aposentadoria por idade, auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, auxílio-reclusão, pensão por morte e salário-maternidade. O pagamento das contribuições ocorre por meio do Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS), que também engloba os impostos devidos por essa categoria.

Datas Cruciais e Formas de Pagamento

Para evitar pendências, é fundamental que os MEIs estejam atentos às datas de pagamento. O vencimento das taxas pelo DAS ocorre no dia 20 de cada mês, e a emissão pode ser realizada diretamente no Portal do Simples Nacional ou através do aplicativo MEI disponível para Android e iOS. Além do pagamento tradicional, os MEIs contam com opções como boleto, PIX, débito automático, entre outras.

Veja também: Google Encerra Serviço Inesperadamente em Janeiro: Saiba o Que Muda para os Usuários!

Obrigações para 2024: Simples Nacional e Declaração Anual

Além do pagamento regular das taxas, os MEIs precisam cumprir algumas obrigações específicas em 2024. A adesão ou regularização no Simples Nacional deve ocorrer até o dia 31 de janeiro, enquanto a entrega da Declaração Anual do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual (DASN-SIMEI) tem prazo até 31 de maio.

Outras responsabilidades incluem a emissão de notas fiscais para transações com pessoas jurídicas e o preenchimento do Relatório Mensal das Receitas Brutas. O não cumprimento dessas obrigações pode acarretar em penalidades e prejuízos para o MEI.

VEJA MAIS RELACIONADO:

Flávio Coelho

Meu nome é Flávio Coelho e ensino através do site Finanças Guiada tudo relacionado a negócios, cartão de crédito e finanças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *