EconomiaNotícias

IBC-Br registra aumento de 0,56% em abril após declínio em março; previa-se alta de 0,20%

O IBC-Br apresenta uma elevação de 0,56% em abril, revertendo a queda registrada em março, superando assim a expectativa de alta de 0,20%.

O Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), considerado uma prévia do desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, apresentou um crescimento de 0,56% em abril em comparação a março, de acordo com o Banco Central do Brasil. No mês anterior, o indicador havia registrado uma queda de 0,15%.

Os analistas, conforme o consenso Refinitiv, esperavam um aumento de 0,20% no índice mensal.

Em abril de 2022, o IBC-Br registrou um aumento de 3,31% em comparação com o mesmo mês do ano anterior. No período de três meses que terminou em abril, houve um incremento de 3,47% no indicador em comparação com o trimestre anterior. Comparado ao mesmo trimestre de 2022, houve uma alta de 4,06%.

Com os dados divulgados hoje, o IBC-Br acumula um crescimento de 3,88% no ano e de 3,43% nos últimos 12 meses.

VEJA MAIS RELACIONADO:

Flávio Coelho

Meu nome é Flávio Coelho e ensino através do site Finanças Guiada tudo relacionado a negócios, cartão de crédito e finanças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *